Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Livros de Cabeceira e outras histórias

Ler é uma fonte de felicidade!

Livros de Cabeceira e outras histórias

Ler é uma fonte de felicidade!

23
Abr17

Dia Mundial do Livro

Charneca em flor

Em 2015 escrevi este post sobre o papel dos livros na minha vida:

Os livros foram a minha companhia na infância e na adolescência quando eu era, apenas, uma menina tímida. Com os livros sonhei e viajei pelo mundo da fantasia. Foram os meus companheiros de todos os momentos, os meus melhores amigos num tempo em que não havia chats, amigos do Facebook ou blogs.

Continua tudo a ser verdade, quantas vezes a tecnologia ocupa o tempo que antes dedicava aos livros,infelizmente. Este ano fiz o propósito de tentar contrabalançar as 2 coisas. Tenho conseguido ler alguns bons livros este ano. Actualmente estou a ler Elena Ferrante como podem ver ali ao lado. Antes li Zafón. Não sei se foi muito boa ideia ler estes 2 autores de seguida. Ambos os livros são muito intensos e muitas vezes me deixam sem fôlego. E cheia de pena de não ter dedicado a minha vida a escrever...

Boas leituras

12
Fev14

Hotel das Letras

Charneca em flor

Ontem fui a uma formação num hotel da nossa capital. Achei logo curioso que o nome fosse Hotel das Letras. Situa-se no ínicio da Rua Castilho e é muito agradável. A decoração, como o nome indica, é dedicada ao mundo das letras. Logo na recepção descobre-se uma estante muito bem recheada. Tirei uma foto, só se vê as traseiras da estante mas já dá para ter uma ideia. 

No entanto o que me chamou a atenção foi um painel de vidro com os nomes de inúmeros escritores.

A sala de formação era decorada com poemas e, pelo que vi no folheto do hotel, os quartos também são decorados com textos literários. Uma decoração muito curiosa. Será que serve para chamar a atenção para a riqueza da literatura?!

03
Fev14

Porquê Charneca em flor?

Charneca em flor

rqQuando resolvi ressuscitar este blogue, achei que era boa ideia mudar o nickname. Pensei, pensei e cheguei à conclusão que era giro arranjar um nickname relacionado com literatura mas que também tivesse a ver comigo. Charneca em flor reúne essas 2 características. Primeiro Charneca em Flor é o título de um dos livros da minha poetisa preferida, a alentejana Florbela Espanca. Para além disso charneca é um tipo de terreno característico quer do Alentejo, onde estão as minhas origens, quer do Ribatejo onde nasci, cresci e ainda vivo. Logo, Charneca em Flor tem tudo a ver comigo. 

 

Para terminar aqui fica o soneto Charneca em Flor

 

Enche o meu peito, num encanto mago, 

O frêmito das coisas dolorosas... 

Sob as urzes queimadas nascem rosas... 

Nos meus olhos as lágrimas apago... 

 

Anseio! Asas abertas! O que trago 

Em mim? Eu oiço bocas silenciosas 

Murmurar-me as palavras misteriosas 

Que perturbam meu ser como um afago! 

 

E nesta febre ansiosa que me invade, 

Dispo a minha mortalha, o meu burel, 

E, já não sou, Amor, Sóror Saudade... 

 

Olhos a arder em êxtases de amor, 

Boca a saber a sol, a fruto, a mel: 

Sou a charneca rude a abrir em flor! 

 

Florbela Espanca, in "Charneca em Flor"

 

 

02
Fev14

Voltando aos livros

Charneca em flor

Já lá vai muito tempo desde a última vez em que escrevi por aqui. Embora a leitura seja uma das minhas actividades preferidas, o tempo para ler e para escrever sobre os livros que leio não tem sido muito. Como tenho estado uns dias em casa, por motivos de saúde, decidi dar uma nova vida a este blogue. Vou tentar actualizar à velocidade das minhas leituras mas também me irei debruçar por outros assuntos que tenham alguma relação com literatura.

Aqui está o aspecto da minha pequena biblioteca, da última vez que a arrumei. Agora já vão havendo uns quantos livros espalhados por aqui e por ali. Até já...

13
Fev11

Ler

Charneca em flor

 

Desde pequena que sou viciada em livros. O primeiro livro que me lembro de ter adorado foi uma banda desenhada da Abelha Maia, edição do Circulo de Leitores, oferecido pelo meu padrinho, outro grande leitor, quando eu tinha 5 anos. Obviamente que nessa altura ainda não sabia ler, então chateava a minha mãe para ela me ler os balões vezes sem conta. Quando ela já não tinha paciência, eu resolvia o problema. Folheava o livro, olhava para os desenhos e inventava o que as personagens diziam, ou seja, contava a história à minha maneira.

Ansiava entrar para a escola para aprender a ler. Quando, finalmente, aprendi a ler, lia tudo o que apanhava. Nessa altura, os meus pais não tinham muitas possibilidades de me comprar muitos livros mas, mesmo assim, fui recebendo alguns. Lembro-me de um que eu adorava, "A pequena Sereia". Pelos meus 8/9 anos, o meu pai deu-me um dos melhores presentes que podia ter dado, inscreveu-me na Biblioteca Fixa da Gulbenkian que havia na minha terra. E aí abriu-se um novo mundo para mim. Devo ter sido das sócias mais assíduas lá da Bibiloteca. Graças a isso, fui dando alimentando essa paixão e esse prazer da leitura. Ler a melhor maneira de passar as férias. Nem tem conta os livros que devorei. Em tempos tentei fazer uma lista dos livros que já tinha lido mas é uma tarefa quase impossível.

Desde que comecei a trabalhar, uma da coisas em que fui gastando algum dinheiro foram os livros. Nem sei quantos tenho, só sei que a estante é grande mas mesmo assim os livros já estão em segunda fila. Tenho vários à espera do espaço temporal e psicológico para serem lidos. Não é só a falta de tempo que me impede de ler determinado livro. Já me tem acontecido começar a ler e não conseguir avançar a partir de certa altura. Quando assim é, desisto. Ao fim de algum tempo, às vezes anos, volto a pegar nele e torna-se, para mim, num livro espectacular.

A partir de agora vou tentar ir falando aqui dos livros que for adquirindo e daqueles que conseguir ir lendo.

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Livro do momento

Ebook do momento

Posts mais comentados

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D