Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Livros de Cabeceira e outras histórias

Todas as formas de cultura são fontes de felicidade!

Livros de Cabeceira e outras histórias

Todas as formas de cultura são fontes de felicidade!

Carlos Ruiz Zafón 1964-2020

Charneca em flor, 20.06.20

zafonoficial_104099519_568608870511418_98154511425

Foi com grande tristeza que, ontem, li a notícia que dava conta do falecimento do escritor catalão, Carlos Ruiz Zafón. Para mim, era um dos melhores romancistas da actualidade. Tinha, apenas, 55 anos e foi uma perda irreparável para a literatura universal. Carlos Ruiz Zafón criou personagens fabulosas para os livros da série "Cemitérios dos livros esquecidos" e descreve, de forma magistral, o espaço físico onde a história decorre. As suas palavras transportavam-nos numa fantástica viagem pelas ruas e mistérios de Barcelona. Quando se começa um livro de Zafón já não se consegue parar de ler. Fiquei espantada porque descobri que já passaram desde que li "O Prisioneiro do Céu". Tenho imensos livros por ler mas fiquei com uma vontade irresistível de ir comprar o último livro que publicou "O labirinto dos espíritos".

19401973_KMcFu.jpeg

Premiado pelo Festival Literário, Correntes d' Escrita em 2006

Deixou-nos tão cedo, que pena. Quantas histórias terão ficado por contar? Quantos livros Carlos Ruiz Zafón teria dentro de si? Agora ficarão todos, eternamente, no Cemitério dos Livros Esquecidos. 

 Mas embora o escritor nos tenha deixado, a sua obra permanece e ele continuará a viver através dos seus livros.