Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Livros de Cabeceira e outras histórias

Todas as formas de cultura são fontes de felicidade!

Livros de Cabeceira e outras histórias

Todas as formas de cultura são fontes de felicidade!

La Cucina, Lily Prior

Charneca em flor, 20.11.20

250x (1).jpeg

Este livro também foi escolhido por causa do desafio lançado pela Rita da Nova para o mês de Novembro tal como o anterior. Também se passa na Itália o que é logo um excelente atractivo para mim que adoro esse país. Como o próprio nome do romance indicia, a comida é preponderante no desenvolvimento da história. La Cucina começa numa quinta na zona leste da Sicília perto da encosta do vulcão Etna. A personagem principal é Rosa Fiore que tem uma intensa, quase visceral, relação com a comida. É nela que se refugia para afogar desgostos e mágoas ao longo da vida. Mas é também através da comida que descobre a sua natureza feminina e a sua sensualidade. É um livro quente, denso e saboroso com personagens estranhas e peculiares. A história é, muitas vezes, inesperada e surpreendente. Na contracapa, Joanne Harris, autora do livro Chocolate, compara La Cucina ao livro Como água para chocolate de Laura Esquível. E isso faz imenso sentido já que são dois livros com contextos muito semelhantes. Em suma, gostei muito e recomendo.

"A comida é uma coisa tão sensual, comer é um prazer tão sensual. Comer boa comida, signorina, está próximo de fazer amor. Deve ser desfrutado, não apressado. Devemos abandonar-nos à sua sensualidade, signorina. Agora vou tirar mais um pedaço do seu maravilhoso timballo. Sinto o seu calor entre os meus dedos; sinto a suculência do recheio, o glorioso tostado da massa. Coloco-o lentamente, amorosamente na língua. Introduzo-o na boca e sinto frisson quando as minhas papilas gustativas começam a funcionar. Lambo os dedos para desfrutar cada bocadinho. Os meus dedos roçam a minha língua, carne contra carne. Agora, signorina, quero que experimente."